12/05/2020

O voo de Cervi que surpreendeu os defesas

No dia 2 de outubro de 2016 o Estádio da Luz vestiu-se a rigor para a 7.ª jornada do Campeonato. O Benfica recebia o Feirense e, depois de um autogolo de Luís Aurélio no primeiro tempo, a segunda metade do encontro teve três golos que confirmaram a goleada e os três pontos rumo ao Tetra. Salvio (61’) dilatou e aos 70’ Cervi surgiu onde ninguém esperava e fez o 3-0. Cruzamento de Nélson Semedo na direita e o argentino, no coração da área, subiu mais alto e com um cabeceamento pleno de poder e intenção não deu hipóteses a Peçanha. Grimaldo (90’+4’) assinou o 4-0 que fechou o desafio.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar