21 de outubro de 2020, 11h57

André Sousa: "Manter o registo vitorioso e a liderança"

Futsal

O Benfica recebe o Viseu 2001 às 19h00 de sábado, em partida da 5.ª jornada do Campeonato Nacional.

Sport Lisboa e Benfica e Viseu 2001 têm encontro marcado às 19h00 de sábado, no Pavilhão n.º 2 da Luz. Em disputa está o jogo da 5.ª  jornada do Campeonato Nacional (Liga Placard). André Sousa anteviu o duelo e alertou: "Todo o cuidado é pouco!"

Bom arranque de prova, com quatro vitórias em outros tantos jogos: 12 pontos somados e a liderança da classificação geral!

"Começámos bem, como gostamos e como queremos. O objetivo é sempre a vitória, onde quer que o Benfica jogue, e felizmente as coisas têm corrido bem. Temos sofrido poucos golos, marcado muitos, isto num ano atípico [Covid-19], em que tivemos dois meses de pré-época. Parámos em março e foram meses difíceis, sem fazer o que gostamos, tínhamos muitas saudades e julgo que os jogos do Benfica mostram isso mesmo: espírito vencedor, a querer ganhar todos os jogos, todos os lances, e temos demonstrado isso fim de semana após fim de semana", explicou o guarda-redes, em declarações via Skype ao programa SL Modalidades da BTV.

Com 22 golos e somente três sofridos, impõe-se a questão: qual é o segredo?

"Tem tudo a ver com a forma de estar da equipa, o treino. Existe um espírito muito positivo e de entreajuda, uma energia muito boa no grupo", revelou André Sousa, atirando: "Queremos manter o registo!"

André Sousa

"Existe uma energia muito boa no grupo"

Do outro lado da barricada vai estar o 5.º classificado, com 8 pontos (2V, 2E, 0D)... e é preciso estar alerta.

"Vai ser um jogo difícil! O Viseu é uma equipa que reflete muito a postura e as ideias do seu treinador [Paulo Fernandes]. É muito ofensiva, tem muita qualidade individual e coletiva. Todo o cuidado é pouco! Estamos a preparar esse jogo de forma minuciosa, como fazemos com todos, um 'scouting', e vamos estar alerta para todas as dificuldades que poderemos encontrar. Queremos manter o registo vitorioso, a liderança, não fugimos à nossa responsabilidade, e a ideia é conquistar os três pontos", assumiu o experiente guardião de 34 anos, natural de Coimbra.

Ainda sem adeptos nas bancadas, o internacional português explica que esta não é uma situação fácil, mas há que ser resiliente.

"Não é fácil não ter adeptos nas bancadas. Os jogos ficam diferentes! Não temos aquela envolvência que todos os jogadores gostam de sentir. Mas estamos felizes por podermos ter regressado", afirmou.

A um nível mais pessoal, a ideia é só uma... "Ser útil, estar sempre disponível e ajudar a equipa a conquistar troféus!", concluiu.

Texto: Sónia Antunes

Fotos: SL Benfica

Patrocinadores Futsal


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar