Casas Benfica

27 novembro 2020, 11h01

REPORTAGEM BTV

Nesta semana, o programa da BTV "Pelas Casas do Benfica" foi à descoberta da Casa n.º 194 do Clube, situada na Capital do Cavalo, a Golegã.

Nasceu a 29 de junho de 2004, conta atualmente com 80 Sócios e é uma Casa com olhos postos no futuro e que aposta essencialmente nas modalidades de futsal e dança.

 Casa Benfica Golegã

"A Casa surgiu depois de um almoço entre amigos. Foi um longo caminho, com altos e baixos, mas cá vamos estando. O mais difícil é mantermos a Casa com Sócios e atividades", confessou o presidente da Casa Benfica Golegã, José Duque.

"O nosso objetivo passa por eventualmente ter mais alguma modalidade e, quem sabe, ter outra sede mais acolhedora, com outras condições que esta não tem", prosseguiu.

Casa Benfica Golegã

O espaço encarnado conta atualmente com cerca de 50 atletas na equipa de futsal.

"O futsal tem sido o grande angariador de massa humana na Casa Benfica ao longo dos anos. Desde 2007, sempre federado, a disputar as competições aqui do distrito de Santarém. Neste ano conseguimos subir ao Nacional. Somos a única Casa do Benfica a disputar a 2.ª Divisão Nacional de futsal sénior. Já passámos a primeira fase da Taça de Portugal, estivemos isentos, agora quem sabe talvez consigamos jogar contra a equipa principal do Benfica", afirmou o vice-presidente da Casa Pedro Sousa.

Para além da equipa sénior de futsal, Pedro Sousa explicou que a formação também foi uma preocupação do espaço vermelho e branco: "A aposta na formação é fundamental, porque são miúdos aqui da terra que vão ficando com o gosto do futsal e quando chegam aos seniores já vêm com valores de identificação do Clube. A chegada da formação foi uma lufada de ar fresco, formou-se uma grande família."

Casa Benfica Golegã

Na dança, é com aulas de balé clássico e contemporâneo que a instituição se apresenta, uma modalidade pouco praticada na Golegã, mas que tem vindo a ganhar fãs.

"Agora com a pandemia estamos com menos dançarinas, mas chegámos a ter 50 meninas a praticar dança. Vai desde os 2 aos 12, 13 anos. Acabamos por ser mais conhecidas aqui na zona porque a Casa Benfica Golegã tem muito público", contou a professora de dança Patrícia Marques.

 Casa Benfica Golegã

Num município com várias tradições, o presidente da Câmara José Veiga Maltez enalteceu a importância da Casa Benfica Golegã: "A Casa Benfica, para nós, é uma mais-valia, como todas as outras associações que temos e que estão em prol dos jovens. É extraordinário porque chama crianças e jovens e porque lhes alimenta a alma. O desporto é do melhor que há."

Texto: Márcia Dores

Fotos: SL Benfica

Última atualização: 27 de novembro de 2020

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar