Futebol

28 novembro 2020, 16h21

Chiquinho

Chiquinho é o protagonista deste episódio da série "Pela Casa Dentro" – um exclusivo BPlay que pode ver AQUI. O médio do Sport Lisboa e Benfica responde às questões colocadas pela Casa Benfica Algueirão-Mem Martins.

O camisola 19 vincou que a equipa tudo vai fazer para ser campeã em 2020/21; lamentou a ausência dos adeptos nas bancadas, mas acredita que esta terminará em breve; e elogiou as qualidades de Jorge Jesus, um treinador que considera muito exigente.

Chiquinho

Título de Campeão de volta à Luz?

"Sim, acredito muito que nesta época o título não irá fugir. Temos uma equipa, estrutura e treinador muito bons, e tudo vai correr bem. Vai ser difícil, porque nunca é fácil, mas acredito que nesta temporada [o título de Campeão Nacional] será nosso."

Chiquinho

Jogar sem os adeptos nas bancadas

"Sem dúvida que fazem falta. Mas já estamos há tanto tempo sem os adeptos, que entramos em campo e concentramo-nos no que é importante, que são as tarefas do jogo, na estratégia. Quando os adeptos estão connosco, as coisas parecem mais fáceis, porque nos puxam para a frente e dão-nos uma motivação extra. Mesmo quando as coisas não correm da melhor maneira, os adeptos estão lá para nós e as coisas mudam de um momento para o outro. Nunca é fácil jogar sem adeptos, mas, agora, já estamos mais habituados. Esperamos em breve estar juntos e podermos festejar."

Chiquinho

A exigência do míster em cada treino e cada jogo

"São dois treinadores diferentes [Jorge Jesus e Bruno Lage], cada um com as suas qualidades. O míster [Jorge Jesus] tem outro tipo de exigência em cada treino e em cada jogo. É diferente, mas acho que são dois treinadores excelentes e vão ter os dois sucesso."

Texto: Marco Rebelo

Última atualização: 28 de novembro de 2020

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar