Voleibol

21 outubro 2021, 21h23

Festejos

RESUMO DO JOGO

A equipa de voleibol do Benfica está na frente da ronda 2 de qualificação para a Liga dos Campeões. No jogo da primeira mão, no Pavilhão n.º 2 da Luz, diante dos finlandeses do VaLePa Sastamala, triunfo, por 3-0.

Bom arranque dos encarnados, com elevada eficácia na zona de serviço e com fortes ataques na zona 4 e na zona do oposto. A concentração demonstrada na receção e consequente contra-ataque levava a turma finlandesa a cometer erros. Com o resultado em 9-4, o treinador do VaLePa Sastamala, Janne Kangaskokko, pediu desconto de tempo.

No regresso à quadra, nada de novo. Benfica consistente no serviço e no bloco, os finlandeses a continuarem a falhar no serviço e 15-8 no marcador. A larga vantagem levou os encarnados a cometerem alguns erros e o VaLePa Sastamala a aproximar-se até aos 18-16, obrigando Marcel Matz a parar a partida.

O alerta do técnico surtiu efeito, o Benfica voltou a distanciar-se com ataques à zona 4, mas o bloco finlandês era um muro e o equilíbrio regressou à Luz aos 24-23. Os encarnados tinham set point, o VaLePa Sastamala arriscou no serviço, o mesmo foi diretamente para fora e o Benfica ganhou o 1.º set, por 25-23.

RESUMO DO 1.º SET

Ao equilíbrio do set inaugural, os encarnados responderam logo com um 2-0 no início do 2.º set. Sol de pouca dura e o VaLePa Sastamala a lograr a cambalhota no marcador nos 2-3. Os adeptos presentes nas bancadas podiam assistir ao melhor voleibol, com as duas equipas a apresentarem grande variabilidade nos ataques e com cada ponto a ser discutido até ao limite.

Ponto cá, ponto lá, com nenhum dos emblemas a conseguir registar grande diferença no placard. Porém, o Benfica estava menos agressivo na hora de atacar e, aos 11-13 para os finlandeses, Marcel Matz pediu um desconto de tempo. De volta à quadra, as águias estiveram melhor e regressaram ao comando aos 16-15, mas o serviço mais agressivo do VaLePa Sastamala colocou o resultado em 19-20. Empurrados pelos Benfiquistas e com contra-ataques de mestre, os encarnados fecharam o 2.º set em 25-21.

RESUMO DO 2.º SET

Uma vez mais, o equilíbrio a aparecer na quadra no 3.º set. Ainda assim, destaque para a eficácia de bloco demonstrada pelos da Luz, a que se juntou os ataques demolidores vindos da zona do oposto. O Benfica estava confiante, chegou aos 15-12 e o treinador do VaLePa Sastamala viu-se obrigado a pedir time out

O desconto de tempo nada mudou. O Benfica estava confiante e assertivo na hora de atacar ou mesmo de contra-atacar. O VaLePa Sastamala não conseguia parar o maior ímpeto das águias e o 3.º set fechou com espetáculo que levou os adeptos ao delírio, e com o resultado de 25-18.

RESUMO DO 3.º SET

A equipa de voleibol volta à ação no sábado, com a deslocação ao reduto do GC Santo Tirso, na 5.ª jornada da primeira fase do Campeonato Nacional.

Benfica-Sastamala

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): "Foi um jogo estranho. Eles jogaram muito através do centro da rede, que nos criou dificuldades. É um voleibol diferente, mas também sabemos usar esse tipo de bola na zona central, através do Japa ou do Rapha. Faltou um pouco de resistência emocional do lado finlandês para nós colocarmos o nosso vigor e energia. O jogo começou forte para nós, sentimos a falta de resistência do outro lado, foi ponto a ponto e eles aproximaram-se. Temos equipa para vencer lá, vamos preparar a equipa para isso."

Benfica-VaLePa Sastamala
3-0
Pavilhão n.º 2
Formação inicial do Benfica
André Lopes, Peter Wohlfi, Hugo Gaspar, Zelão, Japa, Tiago Violas e Ivo Casas (L)
Suplentes
Rapha, Bernardo Silva (L), Bernardo Westermann, Pablo Natan, Aaro Nikula, Lucas França, Eduardo Brito e Zelão
1.º set 2.º set 3.º set
25-23 25-21 25-18

Texto: Marco Rebelo
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 23 de outubro de 2021

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Futebol

Presidente Rui Costa: conferência de Imprensa

Na Sala de Imprensa do Estádio Nacional, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, falou detalhadamente sobre os contornos singulares do desafio B SAD-Benfica, da 12.ª jornada da Liga Bwin, um jogo que o árbitro Manuel Mota deu por terminado ao minuto 48, porque a equipa da casa não tinha um mínimo de sete jogadores em campo.

Futebol

Juvenis B visitaram Casa São Francisco de Assis

A equipa de Juvenis B do Benfica visitou na manhã deste sábado, 27 de novembro, a Casa São Francisco de Assis (Casa do Gaiato), onde fez uma doação de vestuário e de uma bola autografada por todos os elementos. A iniciativa está inserida no projeto "Ligação à Comunidade", sendo que atletas como Francisco Neto e Diogo Rocha, acompanhados por Rita Ferreira, do Departamento de Formação Pessoal e Social, e o psicólogo Ricardo Esteves, tiveram oportunidade de conviver e trocar experiências com utentes da instituição.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar